Arquivo de etiquetas: Cultura

Criação de Rota Europeia dos Templários para 2016

templarios-630x325

Uma delegação de Troyes, cidade francesa fundadora da Ordem dos Templários, cujo concílio ali se realizou em 1128, esteve a semana passada em Tomar, integrando os consultores que estão a preparar a candidatura ao Conselho da Europa tendo em vista a criação da Rota Europeia dos Templários (Itinerário Cultural de Lugares Templários).

Esta visita de trabalho percorreu Tomar, Alcobaça, Dornes e Almourol, seguindo-se à visita preparatória realizada o ano passado pelo Município de Tomar ao Departamento de l’Aube, sedeado em Troyes. Além das visitas, realizaram-se diversas reuniões de trabalho, contando o primeiro dia com uma recepção no Convento de Cristo, pela sua diretora Andreia Galvao e pelos presidentes das câmaras da Barquinha, Fernando Freire e de Tomar, Anabela Freitas.

Após as diversas reuniões, concluiu-se que a candidatura à criação do Itinerário Cultural de Lugares Templários será apresentada no final do terceiro trimestre de 2016, com vista à sua implementação até 2019.

At http://beiranews.pt/

Nisense Quintino Aires diz que “é preciso dizer não”

Quintino a_arte_de_dizer_nao

As ideias são do psicólogo Joaquim Quintino Aires que, já habituado a presenças assíduas na televisão, continua a escrever livros. O mais recente, A Arte de Dizer Não! (Lua de Papel), já se encontra nas livrarias e quer ajudá-lo a descobrir o que realmente quer e a ser coerente com o que deseja. Isto porque o “’não’ é o que constrói uma relação ou um amor que queremos continuar. Não há outra forma de sermos felizes na vida, de nos sentirmos realizados e construirmos relações.”

Quantas vezes deu por si a tentar ganhar coragem de se impor, de dizer um redondo “não” perante uma situação de desconforto? E quantas vezes pensou que não se impôs com receio de magoar a outra pessoa ou de receber uma resposta agressiva? É provável que isto aconteça com alguma frequência, já que o povo português é “do que mais dificuldade tem em dizer ‘não’ nas coisas importantes”.

Posto isto, fique a saber que o facto de não o dizer não faz de si uma pessoa pouco corajosa, antes insegura. Porque o medo inerente ao ato de nos impormos perante outros — sejam eles pais, filhos, amigos, namorados ou até colegas de trabalho — vem da falta de convicção. Mas até isso pode ser trabalhado. E, sim, o esforço vale a pena, não fosse o “não” o melhor que podemos dar aos outros, a definição da nossa própria personalidade e o segredo das relações bem-sucedidas.

At http://observador.pt/2015/11/03/preciso-dizer-nao-psicologo-quintino-aires-explica-entrevista/

Juventude tenta fundos para relvado sintético

Juventude LogoJSC.0O Juventude lançou uma campanha de angariação de fundos para a colocação de um relvado sintético no campo secundário do Estádio Sanches de Miranda, em Évora.

“Os nossos miúdos e são centenas de atletas não tem um sintético”, lamenta o presidente do Juventude, António Sousa, em declarações à DianaFm.

Segundo o dirigente, o clube, que tem três equipas de futebol nos nacionais, “não tem um sintético e o relvado tem 41 anos”. “Não temos a sorte, como muitos concelhos à volta de Évora, que acumulam sintéticos, onde infelizmente não há crianças, e aqui temos centenas de crianças não temos sintético”, refere.

Segundo o presidente do Juventude, António Sousa, são necessários cerca de 60 mil euros para a instalação do relvado sintético. A campanha, que vai decorrer nos próximos meses, apela aos sócios e simpatizantes para que façam um depósito num conta bancária criada pelo clube, mas inclui também a realização de eventos e sorteios.

At http://www.dianafm.com/

Évora reclama Centro Turístico do Alentejo

palacio d manuel

A Câmara de Évora propõe criar um centro dedicado à divulgação e promoção turística de todo o Alentejo no Palácio de D. Manuel.

“É apenas uma proposta, mas que estamos a procurar candidatar ao Alentejo 2020, através da Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central (CIMAC)”, disse o presidente da câmara, Carlos Pinto de Sá, no congresso internacional sobre palácios.

A câmara está agora “a trabalhar nos conteúdos” que o espaço poderá oferecer.

O congresso “Palácios e Dinâmicas Urbanas – Centros de Poder e de Conhecimento na Europa”, organizado pela Câmara e pela Universidade de Évora, reuniu 150 investigadores.

At http://www.dianafm.com/

Famílias de etnia cigana desocupam área turística

MartirSanto_1995 [1600x1200]As 50 famílias de etnia cigana que ocupam “ilegalmente” a zona do Mártir Santo, junto às muralhas do castelo de Campo Maior, vão ser realojadas, em dezembro, em módulos habitacionais construídos numa outra zona da vila.

O projeto de realojamento implica um investimento de 950 mil euros, financiado em 85 por cento por fundos comunitários.

O problema da “ocupação ilegal” do Mártir Santo por famílias de etnia cigana, tem cerca de 35 anos e tem impedido os turistas de usufruir de um espaço público de património abaluartado.

MartirSanto_2009 [1600x1200]A desocupação daquele espaço vai permitir avançar com o projeto de recuperação das muralhas do castelo que se encontra praticamente concluído.

At http://www.radioportalegre.pt/