Opinião: “Ainda a Rita Rato”

nfs i moreira 10 020512

Acho óptimo que se faça uma revisão das votações da Deputada Rita Rato. Estou a ver, com interesse , a pureza cristalina com que dedos em riste analisam a posição da então Deputada em vários votos relativos a regimes políticos e direitos humanos . Curiosamente , muitas das pessoas que lhe apontam o dedo , repito , gente pura da direita que ama a democracia e os diretos humanos , nunca é confrontada com as suas próprias votações . Assim de repente , estou a lembrar – me da quantidade de votos que condenaram a política miserável de Israel de anexação, uma política violadora do direito internacional e dos direitos humanos , que vem contando com a conivência de uma certa ala parlamentar. Assim de repente, estou a lembrar – me da conivência dessa mesma ala parlamentar com Trump e Bolsonaro , porque política é política , já sabemos , não contem com eles para condenarem veemente actos bárbaros daqueles atuais agressores dos direitos humanos ou para condenarem inúmeros atentados ao direito internacional cometidos pelos EUA. Aqui, o PS também não se safa . Nem eu, portanto. Assim de repente , estou a lembrar – me da longa conivência com um regime angolano ditatorial e corrupto , do chumbo do voto de condenação da prisão de ativistas daquele país .
Querem mais ?
Algum decoro neste ataque pidesco à Rita Rato. Já nem falo no sexismo aviltante.
Quem está de boa fé já percebeu que os amigos dos preteridos no concurso não resistiram a expelir a raiva da sua classe . O elitismo subjacente à barulheira recorda – nos o que de pior se tem escrito sobre esta pátria . Um Portugal onde, de facto , o povo sempre foi melhor do que as elites . E continua a ser . Faz – se uma tempestade porque um museu marcadamente político vai ser dirigido por alguém com um perfil marcadamente político . Queriam que fosse um senhor historiador . Ou uma senhor da museologia . Respeitinho. Lamento . Não quero esse país . O do respeitinho . Quero criatividade . Essa que levou a que se escolhesse a Rita Rato . Com o seu projeto . Era o que faltava que a directora de um museu político tivesse de ser historiadora , por exemplo . Tem de ter um
Projeto . E saber rodear – se das pessoas certas . A Rita sabe fazer isso tudo . Não pede desculpa por ser comunista , já agora . E não nos deve explicações por ter sido escolhida . Pelo caminho, vejam as direções de todos os museus deste país tendo em conta o perfil de cada um . E façam barulho , não é? Bom trabalho , Rita.

Isabel Moreira

At Facebook

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s