Opinião: Brasil, “com presidente eleita e candidato mais popular afastados, está consumado o golpe”

Daniel 598026O afastamento da presidente eleita e o processo contra o candidato mais popular de forma a impedi-lo de ir a votos são duas peças fundamentais do golpe. E as motivações ficam evidentes na atuação de Michel Temer. As novas e apressadas leis de reforma laboral e da previdência, feitas por um governo com 3% de popularidade, explicam porque foi tão importante afastar Dilma e impedir o regresso de Lula. Já não se está a discutir a distribuição da prosperidade mas a distribuição dos sacrifícios. E, com essas coisas, a oligarquia brasileira não brica. O golpe depende de uma tríade de poderes: grupos de comunicação social, poder económico e poder judicial. Cavalgando a justíssima indignação popular com a corrupção e selecionando politicamente as vítimas a queimar na fogueira mediática, o poder desta tríade é avassalador. Houve um tempo que em que a elite brasileira usava o exército para aplacar a democracia. Agora não precisa de militares na rua. Basta ter todas as televisões do Brasil, juízes com fome de protagonismo e um exército de políticos corruptos disponível para queimar quem for preciso para salvar a sua própria pele. A aliança entre o poder mediático e juízes populistas ávidos de notoriedade é o novo instrumento que a elite económica tem, perseguindo seletivamente ou mesmo injustamente políticos pouco cooperantes, para aplacar qualquer vontade de mudança.

Daniel Oliveira

At https://www.facebook.com

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s