A romaria anual a cavalo da Moita para Viana

Romaria Viana

Centenas de romeiros de vários pontos do país partiram hoje da Moita, pelas 9 horas, em direção a Viana do Alentejo, onde chegam sábado dia 25, naquela que é a 15ª edição da Romaria a Cavalo

A viagem de 150 quilómetros por caminhos de terra batida tem início junto à Igreja de N.ª Sr.ª da Boa Viagem, na Moita, e termina no Santuário de N.ª Sr.ª D’Aires, em Viana do Alentejo.

A Romaria veio retomar uma tradição antiga, quando os lavradores da Moita se deslocavam ao Santuário de N.ª Sr.ª D’Aires para benzer os animais e pedir boas colheitas.

De salientar que Romaria a Cavalo é promovida por uma comissão organizadora constituída pelas Câmaras da Moita e Viana do Alentejo, Associação dos Romeiros da Tradição Moitense e Associação Equestre de Viana do Alentejo.

At http://www.radioelvas.com/index.php?option=com_content&view=article&id=23736:romaria-a-cavalo-parte-da-moita-com-rumo-a-viana-do-alentejo&catid=1:regional&Itemid=25

A pouca vergonha das políticas de incentivo ao progresso do interior

Autoestrada_A23-b.svg

As autoestradas do interior foram as que mais renderam em portagens nos primeiros três meses do ano. As duas ex-Scut das Beiras (A23 e A25) e a do Interior Norte (A24) geraram receitas de 26,2 milhões de euros de janeiro a março.

Ao todo, a Estradas de Portugal (EP) ganhou 76,3 milhões de euros em portagens neste período, sendo que as ex-Scut foram responsáveis por 70% deste valor. Ou seja, as vias do Interior são responsáveis por quase um terço da receita.

As duas vias mais rentáveis foram a A25 (Aveiro/Vilar Formoso) e a A23 (Torres Novas/Guarda), com receitas de 11,5 e 10,5 milhões de euros, respetivamente. Além do número de veículos, também o tipo de tráfego terá sido decisivo para esta elevada rentabilidade.

At http://www.jn.pt/PaginaInicial/Nacional/Interior.aspx?content_id=4520547 e http://maladeporao.blogspot.pt/2010/07/foi-ha-publicada-na-pagina-electronica.html